Portal Destaque Ir para conteúdo principal
Ir para conteúdo principal Logotipo Guaporé
conteúdo do menu
Conteúdo Principal conteúdo principal
10/07/2020 Sec. da Fazenda
COMPARTILHAR NOTÍCIA

Administração Municipal efetua substituição da iluminação pública

Cerca de 3,8 mil novas luminárias serão instadas em toda a cidade e na zona rural. Economia mensal será de aproximadamente R$ 50 mil

A Administração Municipal, com projeto elaborado pelas secretarias de Administração e Fazenda, deu início à substituição de 3.780 lâmpadas de vapor, que fazem parte de todo o sistema de iluminação pública que compreende a área central, bairros e parte da zona rural de Guaporé, por lâmpadas de LED. A troca começou pela Avenida Silvio Sanson e, neste primeiro momento, compreenderá a área do pórtico de entrada da cidade até o Estádio Albino Pasquali (Complexo Esportivo do SESI), no bairro São Cristóvão. Serão 260 lâmpadas e, depois do dia 15 de julho, mais 400 em parte da área central – arredores da praça Vespasiano Corrêa. O restante será substituído em no máximo 120 dias. Das 3.780 lâmpadas, 2.000 serão de 50W, 1.000 de 100W e 780 de 150W.

Para a troca, que tem como objetivo principal, segundo os secretários Evandro Ghizzi e Celso Fernando Grando, propiciar economia aos cofres públicos, bem como sustentabilidade e segurança para os guaporenses, serão investidos R$ 1,85 milhão, através programa Finisa do Governo Federal, que será quitado até dezembro de 2024, mais contrapartida do município no valor de R$ 323 mil.

“Com apoio do prefeito Fabris e vice Bastian tivemos a liberdade para elaborar e executar o projeto de substituição de toda as luminárias do município. Com uma proposta muito bem elaborada e aprovação da Câmara de Vereadores conseguiremos dar uma nova ‘cara’ para as vias urbanas. As lâmpadas de vapor, por melhor que sejam, apresentam seguidamente falhas e a manutenção onera constantemente os cofres da Administração Municipal, sem contar que a conta de energia elétrica é alta. Com a substituição, vamos ter uma redução de cerca de R$ 50 mil por mês, valor que será abatido na prestação do financiamento e sobrará um terço para novos investimentos”, disseram Ghizzi e Grando.

Segundo cálculos, a economia de recursos dos cofres públicos giraria em torno de R$ 4 milhões até dezembro de 2024. A somatória leva em conta as despesas com o pagamento mensal de energia elétrica para a concessionária Rio Grande Energia (RGE) e as constantes manutenções realizadas na rede, com a troca dos braços e luminárias.

“Fizemos uma análise das despesas e chegamos à conclusão que vamos economizar R$ 3,7 milhões até 2024, sendo R$ 3,3 de consumo e R$ 439 mil de manutenção. Sabemos que muitos vão e estão questionando quanto ao investimento, que será pago ao longo da gestão 2021/2024. Nós, como gestores do dinheiro público, acreditamos que é um investimento necessário e extremamente importante. Somente com a economia mensal, as parcelas do financiamento serão quitadas e ainda sobrará recursos para investir em outras áreas essenciais. Isso fazer é gestão com o seu e o meu dinheiro, ou seja, com o dinheiro público”, afirmaram os secretários.

A substituição de todas as luminárias a vapor por LED está sendo realizada pela empresa Dacon Construtora Ltda, vencedora de licitação.

Outras Notícias