Ir para conteúdo principal
Ir para conteúdo principal Logotipo Guaporé
conteúdo do menu
Conteúdo Principal conteúdo principal
04/01/2020 Sec de Assistência Social e Habitação
COMPARTILHAR NOTÍCIA

Posse do Conselho Tutelar de Guaporé acontecerá no Auditório da Casa da Cultura

Solenidade, que marca o início da gestão 2020/2024, ocorrerá na sexta-feira, dia 10 de janeiro, com início às 16h

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica), presidido por Estevão Sgorla, dará posse na sexta-feira, dia 10 de janeiro de 2020, aos novos conselheiros tutelares titulares e suplentes de Guaporé. A solenidade, que marca o início da gestão 2020/2024, ocorre com a presença de autoridades municipais dos Poderes Executivo e Legislativo, representantes de entidades, familiares e comunidade em geral, no auditório da Casa da Cultura. A cerimônia tem início às 16h.

A posse, realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação, levará os cinco mais votados Alexandra Isabel Chaves (317 votos), Alexandra De Almeida (271 votos), Rosane Regina Cecon Locatell (214 votos), Jorge Luis Flores da Silva (205 votos) e Eli Ramos Vieira (158 votos) a zelar pelos direitos da criança e do adolescente. Também serão empossados os suplentes Roberto Mendes Camargo (155 votos), Mara Muller Antunes (153 votos), Eloí Maria Zanchin (86 votos), Rafael Ostemberg do Nascimento (81 votos) e Fabiana Alves Branco Belini (75 votos). Não obtiveram sucesso no pleito eleitoral Soleine Maria Fiorentin e Katiusca Rodrigues Silveira.

Conforme Sgorla, o Conselho Tutelar é um órgão responsável por zelar pelo cumprimento dos direitos das crianças e adolescentes, para garantir a eles proteção.

“O órgão é chamado a agir por meio de denúncia de ameaça ou violação consumada, mas também pode se antecipar, quando ocorrem fiscalizações”, destacou.

 

Eleição

A eleição para a escolha dos novos conselheiros tutelares de Guaporé aconteceu nas dependências do Fórum de Justiça no domingo, dia 6 de outubro de 2019, e levou 1.819 eleitores às urnas. 1.812 votos foram válidos aos 12 candidatos que estavam nas disputas pelas cinco vagas. Seis votos foram nulos e um foi em branco. Os eleitos, tanto titulares, quanto os suplentes, permanecerão no cargo e à disposição, respectivamente, até o dia 9 de janeiro de 2024.

Outras Notícias